LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Acordou para a vida

Dormia… entre delírios de mil refúgios
Seu desejo agora era uma necessidade
Sua pele vinha sendo rasgada como poupa
E carne atravessada de orgia! "Esquecia-se aos poucos!"
Deixara o sonho embriagá-la, atravessar seus cômodos

Dormia… Suas forças haviam sido vencidas
Seus mamilos, dois caroços cheios
A respiração bombardeava as estranhas
E o coração estava pronto para vida!

Dormia… e de repente se viu entremeada em relva
Tremulava de medo, corria o risco de ser petisco de um bicho
De um macho cobiçoso sem escrúpulo
Ou que tivesse no olhar a sedução
E nos lábios o poder de descobri-la

Dormia…
Acordara no meio do sonho!
Contudo, tudo era realidade com nébulas de orgia!

J.Vitor