LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Réplica do passado




Pelas horas da noite, quando todos vão ao seu repouso
a quietude toma conta  dos meus pensamentos
contudo, eu me aquieto olhando pela claridade que vaza da janela
como se fosse uma folha branca.

Incógnito, a lembrança vem preenchendo as linhas,
vem rebolindo e reproduzindo; misturando truanices,
esparramando areias, tantas, que me recreio ao longe.

Rebusco a tantos caminhos, soletro nomes,
transmudo-me ao serenar do mar, dos seus ruídos...
Passo a ouvir a conversa das ondas... 
Elas se quebram e se misturam aos delírios...

Sento ao beiral da distância como se estivesse na saia da maré
onde os detritos vinham e se pinchavam ao nossos pés
Ali, bem lá naquele tempo: Revivo dois meninos
que em namoro viveram as primeiras delícias do mundo...

J.Vitor