LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 5 de julho de 2012

A hora deve ser esta

Amor!

Vivo o meu casulo
Reacendo sua chama
Faço tremendo cada dia
Estou saindo aos poucos


A manhã ou depois, talvez…
Falarei da desconhecida,
da mulher crescida,
neste escuro... nada sei...
dorme meu coração
… tranqüilo está o desejo



Amor! Esperar-te-ei;
No silêncio das horas,
Nas madrugadas caladas
E até ao desascender do dia,

Amor! Esperar-te-ei;
Com zelo, na porta da manhã
Na janela da tarde,
na retirada do sol, te aguardo.

Amor! A hora deve ser esta,
“Ainda não vivi o despertar”
Mas o coração se apressa
Quer conhecer noites de luar!

de J.Vitor