LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

domingo, 11 de março de 2012

Pintura do desejo

Empenhei-me numa Tela de pintura,
Pincelei o busto, nasceu à figura:
No olhar coube sedução
Nos lábios carência de beijos
No querer a condição de plantar o desejo e Colher o coração.

Dediquei-me da tal criatura
A cada pincelada uma feitura:
Do clímax nasceu o hálito.
Pintei José no seu sentido.
Derramei perfume em seu vestido

E dos dedos afoitos criei um hábito:
Esparramar amor na nostalgia, e,
Sobre o corpo, uma dor inacabada,
Uma vontade exasperada, uma arte sexuada;
No mínimo: “um Best Sellers de romance e amor!”

Texto: José Vitor