LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 14 de maio de 2012

Que decepção!


Quis acreditar no sonho… descrever o incrível!
solenizar um sortilégio, até pensei num literal, 
um fino final como algo nunca mencionado:
pensei… pensei… e passei a crer no impossível:
Pois, o Presumível... mera repetição de um apaixonado.


Quis reinventar o amor. Pórtico do coração.
Nada. Todos já de tetos e coberturas, sem horas mortas
então coloquei pose nas flores, germe na emoção…
                    renovação no caroço e uma seta no limiar da porta.

Fiz o inaudível, como: enrugar a brota,
rezingar química nos minerais, dar raiz aos vegetais,
Nada aconteceu. “Tudo já postado!” Premiado com nota.
De tudo... só uma coisa me valeu: amar demais

De J.Vitor